Veri Serpa

A verdade é que com o passar dos anos, especialmente a partir dos 30, pelo menos no meu caso e de pessoas próximas com quem tenho conversado, a cada dez anos temos o costume, até mesmo inconsciente, de pensar na velhice e ponderarmos sobre a vida, sobre o que deveríamosRead More →

Os meus olhos. Os mesmo olhos meus. Aqui e alí. A contemplar a simplicidade das coisas, da vida, das coisas da vida. Te quero vida. Linda, infinita. Lapidada, rara. Lisboa, coisa boa. 60 SHARES Compartilhe no Facebook Tweet Follow us Share Share Share Share Share Marcela SerpaRead More →