hiperidrose

Dicas para quem sofre com Hiperidrose

O verão está com demonstrações de altíssimas temperaturas a caminho, e enquanto muitas pessoas ficam felizes com a chegada da estação, outras sofrem ainda mais com a hiperidrose no período mais quente do ano. Algumas pessoas sequer sabem que sofrem de uma doença, sobre a qual o cirurgião plástico Dr Francisco Claro Jr explica: “A hiperidrose é a produção excessiva de suor, mesmo quando a pessoa não está praticando exercícios ou não está debaixo de sol forte, por exemplo. Tal condição não tem qualquer tipo de controle por parte do paciente, que sua constantemente em quantidades muito elevadas mesmo em repouso.”

O distúrbio provoca desconforto e constrangimento para homens e mulheres que, muitas vezes, preferem sequer apertar a mão de outra pessoa num simples cumprimento. As roupas sempre marcadas de suor são outro ponto desconfortável, já que até o uso de determinadas cores fica restrito, pois algumas demonstram mais o suor que outras. Algumas formas de tratamento incluem cirurgias, mas também tratamentos menos invasivos e até mais eficazes como a aplicação da Toxina Botulínica, o famoso Botox.

Segundo Dr Francisco, “É possível obter excelentes resultados, muitas vezes superiores às cirurgias nas glândulas. Isso porque nas cirurgias pode haver como efeito colateral a transferência do suor para outro local do corpo. Com a toxina botulínica são possíveis resultados com um método não invasivo, que não necessita de cuidados pós-procedimento, e efeito que chega a mais 1 ano de duração”.

Um procedimento com uso de toxina botulínica para o tratamento de hiperidrose é tão rápido e simples de ser realizado que, em menos de 15 minutos o paciente sai do consultório pronto para voltar ás suas atividades rotineiras. Para alcançar tais objetivos é sempre muito importante procurar um cirurgião plástico experiente, que utilize produtos de altíssima qualidade, potencializando os resultados e assegurando a saúde de seus pacientes.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.