Ano de eleições e eu não vou votar novamente

Quando era adolescente, durante umas das férias, aproveitei que estava visitando minha avó na região metropolitana de São Paulo e tirei o título de eleitor e a carteira de motorista, não lembro bem o motivo, provavelmente porque era mais simples e rápido do que fazer no Rio. Assim também como na mesma férias em uma ida para Sampa para visitar algum parente, aproveitei e tirei meu RG.

O tempo passou e sempre fiquei naquela de transferir o título, aí mudei pros EUA, e quando voltei em 2006, finalmente residindo novamente no Rio de Janeiro, acabei votando pela primeira vez.

Ironicamente, no ano passado, mudei para a cidade onde durante anos mantive o título de eleitor e novamente acabei não fazendo a transferência do título do Rio para cá e assim novamente não irei votar.

Sou a favor do voto não obrigatório, aos 30&alguns já escutei várias pessoas reclamando quando digo que não faço questão de votar e não faço mesmo, dos candidatos a presidente eu sinceramente não acho que nenhum merece o meu voto, e votar por votar, melhor pagar a minha multa.

Em uma democracia as pessoas tem que ter a opção de votar se desejarem, de servirem a nação através das forças armadas quando desejarem, entre outras coisas. Pelo menos esse é o meu ponto de vista. #prontofalei

Alguém entende como é possível existir , se não me engano, cerca de 30 partidos políticos?

Facebook Comments

1 comentário

  1. olha, se o voto não é obrigatório, ninguém então vai votar, a não ser os familiares dos candidatos ou poder, amigos e tal.

    sobre o serviço militar, hoje quase pega quem quer, só que também, se as pessoas não se interessam, quem estaria preparado para uma guerra no caso se não fosse obrigatório esse tipo de lei?

    claro, cada um tem sua opinião, mas isso ainda está certo, a pesar de nem um político receber um voto se conseqüentemente teu dinheiro que seria voltado para o povo, for parar nas cuecas ou meias de alguém.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.