Temperaturas abaixo de zero, ventos a mais de 160 km por hora e 50 mil volts de corrente elétrica. Essas são algumas das condições de um trabalho considerado um dos mais perigosos do mundo, e que fazem parte de um dia normal para um grupo de elite: os profissionais dasRead More →