Guia americano de 1943 em relação a mulheres e o trabalho

O texto abaixo (um guia) foi publicado na Revista Transportation, nos EUA, em Julho de 1943, escrito para supervisores masculinos de mulheres na força de trabalho durante a Segunda Guerra Mundial.

11 Dicas de como lidar com mulheres no trabalho (*Tradução livre)

1. Selecione mulheres jovens e casadas. Elas normalmente têm mais sentido de responsabilidade do que suas irmãs solteiras. Possuem menos chances de ficar paquerando. Necessitam do trabalho, ou não estariam trabalhando. Elas ainda têm energia e interesse em trabalhar duro e lidar com o público eficientemente.

2. Quando tiver que utilizar mulheres mais velhas, tente mulheres que já trabalharam fora de casa em alguma época de suas vidas. Mulheres mais velhas que nunca tiveram contato com o público são mais difícil se adaptarem e são inclinadas a se irritarem e tornarem-se inquietas. É sempre bom salientar nas mulheres mais velhas, a importância de afabilidade e cortesia.

3. Experiência prévia indicam que meninas “fortes” – essas que são um pouco pesadas – são mais eficientes que suas irmãs com peso inferior ao normal.

4. Tenha um médico para fazer um exame físico especial em cada mulher que você empregar . Este passo não apenas protege a propriedade contra possibilidades de processo, mas também revela se o funcionária tem qualquer fraqueza feminina que a tornaria mentalmente ou fisicamente inadequada para o trabalho.

5. Mostre a importância do horário; um minuto ou dois perdidos aqui e ali atrapalham o andamento do trabalho. Até que este ponto seja deixado de lado, é possível que o serviço seja feito devagar.

6. Dê um horário definido de deveres para a funcionária feminina de modo que a mantenha ocupada sem perturbar a gerência atrás instruções a cada minuto. Várias empresas dizem que mulheres são excelente funcionárias quando têm os trabalhos determinados, mas que faltam iniciativa em encontrar o que fazer.

7. Sempre que possível, durante o dia faça uma mudança interna de um trabalho para o outro. As mulheres ficam menos nervosas e mais felizes com mudança.

8. Dê um número adequado de períodos de descanso durante o dia para cada menina. Você tem que fazer algumas concessões para a psicologia feminina. Uma menina tem mais confiança e é mais eficiente se manter o cabelo arrumado, retocar o batom e lavar as mãos várias vezes por dia.

9. Seja prudente quando emitir instruções ou fazer críticas. As mulheres são freqüentemente sensíveis; elas não podem receber palavras ásperas como os homens fazem. Nunca zombe de uma mulher – quebra seu espírito e diminui sua eficiência.

10. Seja razoavel ao usar linguagem forte ao redor de mulheres. Mesmo que um marido ou pai xinguem vociferantemente, ela irá antipatizar com um local de trabalho onde ouve muitos palavrões.

11. Receba uma variedade de tamanho de uniformes de modo que cada menina possa ter um uniforme adequado. Este ponto não pode ser realçado demais em manter mulheres feliz.

Aos 30&Alguns é sempre bom ver a evolução dos tempos e leis, se bem que em muitos lugares do mundo ainda não chegaram nem mesmo a esse patamar, mulheres não podem nem mesmo trabalhar…

fonte: Digg e Road & Travel Magazine

Facebook Comments
Comments
  1. “Se bem que em muitos lugares do mundo ainda não chegaram nem mesmo a esse patamar, mulheres não podem nem mesmo trabalhar…”

    Você disse tudo. Mas mesmo assim, uma boa parte daqueles que permitem o trabalho das mulheres criam varias barreiras para que elas não fiquem igualadas aos homens. Não só apenas a GRANDE diferencia de salário, elas ainda sofrem muito preconceito, ao meu ver, sem o menor motivo.

ADD YOUR COMMENT

Mostrar botões
Esconder botões