Estreia nova versão da clássica série Casos Arquivados

O A&E traz de volta a série de casos reais indicada ao Emmy, Casos Arquivados (Cold Case Files), a partir do dia 6 de junho. Com uma nova roupagem e um novo olhar, apresenta casos que ficaram arquivados durante anos e mostra os esforços de detetives para solucionar esses crimes.

Existem mais de 120 mil casos arquivados nos Estados Unidos e somente 1% terão alguma solução. Em Casos Arquivados, série criada em 1998, detetives revivem os eventos dos crimes e revelam novas reviravoltas e informações surpreendentes, oferecendo à audiência uma imersão completa nesses casos trágicos. E, com o apoio de tecnologia forense avançada e influência das mídias sociais, trabalham em busca da solução desses casos, tão aguardada por familiares e amigos das vítimas.

Cada episódio dos novos Casos Arquivados contará um caso de um crime que ficou sem solução durante anos, e que será apresentado por meio de dramatizações e depoimentos em primeira pessoa dos detetives e entes queridos envolvidos em experiências comoventes. A série relata as resoluções de casos muito diferentes, que contam com a participação de várias pessoas e da mídia, bem como dos avanços tecnológicos que permitiram descobertas importantes nos casos arquivados.

Esta nova temporada terá dez episódios e incluirá casos como o sequestro e assassinato de Shauna Howe, apresentado no episódio de estreia. A menina de 11 anos da Pensilvânia foi raptada, violentada e morta, quando voltava de uma festa de Halloween, em 1992. Dois dias após seu sequestro, um familiar de Shauna encontrou um pedaço da roupa dela, e o corpo foi encontrado a 200 metros do local. Dez anos depois, um detetive retoma a investigação e põe em evidência que o suspeito mais óbvio continua em liberdade. Outro dos casos aborda a investigação do assassinato do casal de idosos Edward “Ed” Maurin, de 81 anos, e Wilhemina “Minnie” Maurin, de 83 anos, em Washington, em 1985. Eles foram assassinados a tiros e levados a uma área arborizada. O crime é resolvido vinte anos depois, quando a família estava disposta a solucioná-lo com as próprias mãos.

A produção apresenta também o caso de Tina Faelz (14 anos), cujo corpo foi encontrado com 44 facadas num bueiro debaixo de uma estrada, na Califórnia. Seu assassinato causou uma verdadeira comoção na comunidade e, infelizmente, não havia sinal de armas ou qualquer rastro. No entanto, uma descoberta crucial foi feita por um detetive: uma bolsa pequena pendurada em uma árvore, acima de onde estava o corpo de Tina. Essa bolsa continha o DNA que poderia condenar o assassino dela, um ex-colega de classe, 30 anos depois do crime.

Com 125 episódios, Casos Arquivados estreou originalmente no A&E em 1998, e ficou no ar por quase dez anos. Rapidamente se tornou a série de maior audiência do canal e foi indicada duas vezes ao Emmy, na categoria Série Excepcional de Não-ficção.

Estreia: 6/6, terça-feira, 23h15
Canal A&E

Facebook Comments

ADD YOUR COMMENT

Mostrar botões
Esconder botões